Virgo
10438738_569779183138947_701988808_n.jpg?oh=72226e6d94e4745cfb08475d4b8876e4&oe=538CBD8B&__gda__=1401716884_dcd23deaa6a557f5f838293e060d5738

Virgo, a Virgem, é uma constelação do zodíaco. O genitivo, usado para formar nomes de estrelas, é Virginis. As constelações vizinhas, de acordo com as fronteiras modernas, são Boötes, Coma Berenices, Leo, Crater, Corvus, Hydra, Libra e Serpens.

Uma das identidades mitológicas da Virgem é Têmis, deusa da justiça, que, desgostosa com o comportamento humano, ascendeu ao céu. Em outras versões é identificada com Astreia, filha de Zeus e Têmis, que viveu entre os homens durante a Idade de Ouro, contudo com a decadência da humanidade, retirou-se para o céu onde foi transformada na constelação da Virgem. Um de seus atributos era a balança, daí a proximidade das duas constelações.

É uma constelação do zodíaco. Ela é a segunda maior constelação do céu (a primeira é a constelação Hydra). A constelação Virgo está localizada ao longo da eclíptica entre Leo e Libra.

Estrelas mais brilhantes:
α Vir: alpha Vir ou alpha Virginis
β Vir: beta Vir ou beta Virginis
γ Vir: gamma Vir ou gamma Virginis
δ Vir: delta Vir ou delta Virginis
ε Vir: epsilon Vir ou epsilon Virginis
θ Vir: theta Vir ou theta Virginis
t Vir: tau Vir ou tau Virginis
φ Vir: phi Vir ou phi Virginis